Acerca de mim

A minha foto

..Se as flechas perfuram o corpo,

as palavras podem trespassar a alma...

(Umberto Ec

EU DIGO:

SERÃO SEMPRE BEM-VINDOS AO MEU ESPAÇO.
MUITO OBRIGADA PELA VOSSA VISITA

.

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Morre lentamente quem ......


,Morre lentamente quem não viaja,quem não lê, quem  não ouve música, quem não encontra graça em sim mesmo....Morre lentamente quem não se torna escravo do hábito,repetindo,todos os dias os mesmos trejectos quem não muda de marca,não arrisca a vestir uma nova cor,quem não conversa com quem nao conhece..Morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz com o seu trabalho e o seu amor,quem não arrisca o incerto,pelo  incerto.para ir atrás de um sonho ...quem não permite, pelo menos ,uma vez na vida fugir dos conselhos sensatos.....







Pablo de Neruda

6 comentários:

  1. Este texto do Neruda é magnífico.
    Betinha, querida amiga, tem um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  2. Assim o achei também,meu bom amigo Nilson.
    Morre tanta gente lentamente...e...nunca soube,verdadeiramemte...o que é morrer|
    Muito obrigada e um bom fim de semana
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Para não morrer lentamente, vou de férias...
    Minha querida amiga, tem um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  4. Vou ficar com saudades,
    volta rapidinho,ok?
    Obrigada e um beijinho.

    ResponderEliminar
  5. Adoro Neruda! feliz escolha... beijinhos
    Lucinha

    ResponderEliminar
  6. Muito obrigada pela sua opinião,
    já somos duas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar