SOU EU PRÓPRIA!!!

A minha foto

..Se as flechas perfuram o corpo,

as palavras podem trespassar a alma...

(Umberto Ec

EU DIGO:

SERÃO SEMPRE BEM-VINDOS AO MEU ESPAÇO.
MUITO OBRIGADA PELA VOSSA VISITA

.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

DISTÂNCIAS...

Imagem da Net

DISTÂNCIAS...

Um assunto que sempre me apaixonou foram as distâncias entre os corpos contidos no Universo. Não foram poucas as vezes
que, nas noites de céu claro, fiquei (e ainda fico) admirando as estrelas com seu magnífico esplendor. São tantas que mais
parecem um imenso véu de luzinhas cintilantes cujo fascínio, para mim vem, não só da beleza e do brilho, como também e,
principalmente, da distância que estão umas das outras e deste Planeta Azul onde me encontro.

Considerando que a luz viaja a 300.000 Km por segundo e que, portanto, daria mais de 7 voltas na Terra nessa fração de
tempo, fico pensando cá com os meus botões, que uma dessas estrelas, a que me parece maior e que por essa razão
está mais próxima, pode até nem existir mais pois a luz que me chega a partir dela, no exato momento presente, foi
emitida a milhares de anos/luz atrás. Então é (ou era) fantástico o seu tamanho e, ainda mais fantástica, a distância entre
eu e ela.

Meditando nessa linha de raciocínio, admiro profundamente a harmonia existente entre toda essa matéria e, consequentemente,
não posso evitar de me sentir muito pequeno, mas ao mesmo tempo orgulhoso de fazer parte de tudo isso, apesar da minha
pequenez.

Por outro lado, é frustrante saber que, mesmo vivendo milhares de vidas, viajando constantemente na maior velocidade
material conhecida (a da luz), eu jamais chegarei naquela estrela que me encantou na minha observação.

Ainda, divagando pelo Universo, o pensamento vai tomando um rumo inevitável e, quase sem perceber, estou pensando em ti.
Sim, em ti que eu amo tanto, e na distância que estou da tua luz. Contemplando esse céu cheio de estrelas e imaginando
tudo que existe entre elas e que não consigo ver, é que sinto uma leve centelha da tua infinita grandeza iluminando a minha
limitada mente, pois foi tu, com um simples gesto, que criastes tudo isso. Nesse exato momento, sinto que as distâncias
não são nada diante do amor, pois apesar de ser eu tão pequeno e tu tão grande meu DEUS, te sinto tão próximo que estás
dentro de mim.

Rui E L Tavares.

Sem comentários:

Enviar um comentário